Habilitando Profissionais para Trabalhar em Segurança
Blog

Categorias
Nossos Cursos

6 cuidados para quem trabalha em Plataformas de Trabalho Aéreo

05 / Nov - - Categoria: NR 11 Movimentação de Cargas


6 cuidados para seguranca com Plataformas Aereas

Entre as atividades que oferecem riscos ao profissional, trabalho em altura é considerado um dos mais perigosos e faz milhares de vítimas todos os anos. Ele exige cuidados especiais, atenção e comprometimento por parte da empresa e do empregado.

As Plataformas de Trabalho Aéreo (PTAs) estão se tornando cada vez mais comuns nos canteiros de obras, isso faz com que as empresas estejam ainda mais atentas com relação ao uso de EPIs, formação e reciclagem dos trabalhadores, além de conhecer e seguir as Normas Regulamentadoras. Qualquer erro no trabalho realizado em grandes alturas pode ser fatal ao indivíduo.

Essas plataformas são utilizadas em atividades como eletricidade, pintura, montagem e manutenção de estruturas, serralheria, limpeza, entre outras. Por isso, conforme orientação da NR 18 o profissional só poderá atuar nessa área se for qualificado. É importante lembrar que há três tipos de plataformas: tesouras; lança articulada e telescópica, se o trabalhador tiver formação somente em uma delas não poderá atuar em outra.

O profissional deve ser qualificado, receber treinamento prático e teórico de acordo com a área/equipamento em que irá atuar, além de passar por exames que o qualifiquem para tal. A formação deve ser reconhecida por órgão competente, além do profissional ter certificação.

Outro procedimento importante é com relação a verificação antes do início das obras. Avaliar os riscos do ambiente e tratar possíveis falhas ou determinar medidas de segurança coopera para um ambiente mais seguro e reduz probabilidade de ocorrer acidentes.

Durante o trabalho em plataformas aéreas é preciso criar uma atmosfera segura, para isso alguns cuidados são necessários, como:

  • - evitar trabalhar muito próximo à rede elétrica;
  • - cuidar para que o trânsito de pessoas seja o mínimo possível;
  • - não deixar que pessoas sem autorização subam nas plataformas;
  • - lembrar que não devem ser usadas em dias de chuva;
  • - ao subir ou descer cuidar se não há pessoas ou máquinas perto;
  • - evitar superfície com desnível (como rampas, etc).

Para um ambiente de trabalho mais seguro é preciso usar EPIs, criar e desenvolver medidas de segurança entre os funcionários, além de formação técnica na área em que atua. Para isso oferecemos em nossa grade o curso de PTA, o qual pode ser feito em duas modalidades à distância e presencial. Se precisa de mais informações, entre em contato conosco.

6 cuidados para quem trabalha em Plataformas de Trabalho Aéreo

6 cuidados para seguranca com Plataformas Aereas Entre as atividades que oferecem riscos ao profissional, trabalho em altura é considerado um dos mais perigosos e faz milhares de vítimas todos os anos. Ele exige cuidados especiais, atenção e comprometimento por parte da...
Nossos Cursos